Cursos Belo Horizonte: e-mail para helenacompagno@hotmail.com ou acesse na janelinha à direita

15 de novembro de 2013

Corações

Quando comecei a dar aulas de costuras para iniciantes, aqui em Belo Horizonte, não seguia muito o cronograma do curso, acabava cedendo aos apelos de certas alunas que queriam aprender coisas que, às vezes, nem eu sabia fazer. Algumas, por inocência ou esperteza mesmo, ao invés da metragem do tecido pedido, traziam metros e metros para que fossem feitos, em aula, todo o enxoval da casa ou traziam roupas para serem consertadas aqui, com aquela súplica: "ensina eu retirar essa gola, transformar em manga, encurtar, diminuir, por forro, retirar forro, aumentar..." :E daí me dava aquele faniquito interno que, juro, tinha ímpetos de juntar a trouxa, dispensar a aluna e dizer: "olha aqui, minha filha, aqui não é oficina de conserto e nem fábrica de enxovais, nem costura express, não ensino a consertar roupas, pois para isso você precisa saber quase tudo de costura. Vou lhe ensinar aquilo que está programado, aquilo que treinei e sei, mas não vou transformar meu ateliê doméstico em fábrica". 

Obviamente que nunca fiz isso, procurava atender "a cliente" ou mesmo dizer que não sabia fazer aquilo. Daí parei com as aulas e fui me organizar, onde escolhi várias peças que julgava fáceis de ensinar e muito úteis para quem quer aprender o básico da costura. Algumas peças eu tive que fazer várias vezes, pois em cada vez que fazia descobria um caminho mais fácil e rápido. Eu ainda continuo procurando esses caminhos e ainda continuo recebendo alunas com essa ideia que aqui se conserta roupas ou mesmo fabrica enxovais de toda a casa, mesmo enviando a elas, em nosso primeiro contato, todas as informações a respeito do curso. Só vem aqui quem pretende aprender aquilo que está proposto, ensaiado e testado por mim. Em todas as peças eu escolhi algum acabamento necessário para quem pretende costurar suas próprias coisas.

Mas não sou tão radical, toda regra tem suas exceções, vez ou outra aceito a ensinar uma peça que não estava no script - peças que julgo fáceis de fazer a toque de caixa, como por exemplo esse coração que todo mundo se apaixonou.
Foi a Virgínia quem trouxe. Queria confeccioná-los e oferecer às amigas no Natal. Não é um ótimo presente? Fiquei "paixonada", largamos o avental que iríamos fazer e partirmos para o coração. Mede daqui, diminui daí, mesmo com meus avisos que poderia ou não dar certo ou mesmo não dar tempo de finalizarmos na aula do dia.

Fiz um que me pareceu meio gordinho demais. 
A aula terminou e o coração não ficou do jeito que gostaria. Pedi que deixasse aqui e quando tivesse um tempinho voltaria ao projeto. 

Depois, com mais tempo, retomei ao projeto. Com ele já pronto mostrei à filha pedindo opinião. Ela, envolvida com suas coisinhas, mal olhou e disse: "tá bom, tá legal..." 

Mas para mim ainda não estava legal, precisava centralizar mais o coração do meio...
... que foi refeito na aula de outra aluna, a Maria Eugênia. Seguindo o cronograma do curso, naquela aula teríamos que terminar o organizador de bolsa, mas quando ela viu esse coração, largou o trabalho e topou o desafio, pois algumas alunas têm a aula de costura como uma terapia, não se importando com a ordem das coisas. Juntas chegamos a isso:
A Maria Eugênia saiu daqui radiante, literalmente falando,  com o coração na mão! Pretende presentear às professoras dos filhos. Não é ótima ideia? Sugeri que oferecesse aos convidados para um jantar, deixando na cadeira de cada um o coração pendurado. Não é uma delicadeza? E se colocarmos na porta do quarto de hóspedes com os dizeres: "seja bem-vindo". Não vão dizer que és uma lady? E se deixar em cima da cama do hóspede, acompanhado de pequenos sabonetinhos? Depois desse post certamente vou receber comentários do tipo: "me convida?"

Falta agora escolher as frases, imprimir e aplicar ao tecido. Mas isso é coisa para quem entende, como a Helga que já me explicou mais ou menos como se faz. 

Ao mesmo tempo que brinco, trabalho, descubro novas peças que futuramente vou incluindo no curso, pois o objetivo do curso é costurar coisas simples e bonitas, não aquela coisa chata de consertar coisa que o outro fez. Longe de mim. Para isso existem oficinas de costuras. Mas isso não quer dizer que você não seja capaz de consertar e transformar suas roupas ou mesmo renovar todo o seu enxoval depois que aprendeu a costurar essas coisas que ensino. Como falei, em toda peça há um aprendizado necessário para qualquer costura. Se quiser saber mais como funciona o curso, leia aqui

14 comentários:

  1. Oi flor, acabei de descobrir seu blog e adorei! Um bjo e mto sucesso!
    Deby

    ResponderExcluir
  2. Olá, Helena! Bom dia!
    Lindos os corações! O que mais admiro nos teus trabalhos é o acabamento perfeito e o bom gosto irrepreensível! Isso não se aprende. ou se tem ou não se tem. E tu, tu tens!
    Beijinhos, querida e tem um feliz domingo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nina, um feliz domingo para você também!
      Beijos

      Excluir
  3. Oi, Helena! Que postagem gostosa de ler. Eu também não gosto de fazer consertos de roupas, meu "negócio" é criar. Assim como você também gosto de novos desafios, e os corações ficaram muito fofos, mas vou dar minha sugestão, que tal adicionar ao recheio alguns grãos de sagu com essência de flor de laranjeira (a minha preferida) ou capim limão, aposto que vai ficar, além de bonito, muito cheiroso. Beijos e um ótimo domingo! Clau.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cláudia, estava justamente pensando que deveria sim colocar um cheirinho. Em alguns borrifei uma essência Trousseau, mas o ideal é algo dentro para fixar melhor.
      Obrigada pela dica.
      Beijos

      Excluir
  4. Helena! Adoro seu blog, já deve estar cansada de ver meus comentários por aqui né... rsrsrs
    Adoro adoro adoro tudo que vc faz, seus posts são mto bacanas! Por isso estou sempre por aqui. Queria te dar uma sugestão de post... Pq vc não faz um post de como calcular os valores das costurinhas, tipo, qto cobrar por um jogo de fronhas, um lençol e por ai vai...
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carol, obrigada pelas visitas, pois é muito bem-vinda, viu? Olha, eu sou uma negação para vender as coisas que faço, por isso resolvi dar aulas. Gosto de ensinar e presentear. Sei muito pouco sobre valores. As minhas alunas costumas consultar os preços no Elo 7. Esse negócio de vale tanto ou não depende muito. A regra é calcular 3 x mais daquilo que investiu Por exemplo, se você gastou 10, deve vender por 30, mas isso é muito relativo, pois às vezes gastamos um valor alto, tivemos muito trabalho na confecção, mas não é uma peça muito valorizada, nesse caso deve vender pelo preço de mercado e às vezes gastamos pouco, tivemos pouco trabalho, mas a peça é bonita, muito procurada, bem-feita, de bom gosto...
      Depende.
      Beijos

      Excluir
  5. Oi Helena, adoro seu blog, já deve estar cansada de ver meus comentários por aqui.... rsrsrs

    Eu gosto muito das coisas que vc faz, vc é mto caprichosa, adoro os seus posts, por isso estou sempre por aqui...

    Gostaria de te mandar uma sugestão de post.... Pq vc não dá uma "aula" aqui pra gente de como se calcular os valores das costurinhas, tipo, como vc calcula o preço de um jogo de fronhas e por ai vai?

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  6. Lindos corações, dá para fazer como sachê perfumado.

    Bjs
    Fatinha

    ResponderExcluir
  7. Oi Helena
    Amei o sache! Quais são as medidas do coração? Ou moldura?
    Percebi que a maioria que vc cria, faltou colocar as medidas para quem quiser fazer, entendeu. ..bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mimika, deve ter percebido, também, que dou aulas de costuras e que o blog serve como propaganda das coisas que ensino no curso, ok? Há diversos blogs que ensinam coisas lindas, principalmente de blogs estrangeiros (alemães e japoneses) com passo a passo muito bem explicadinho.
      Beijos

      Excluir
    2. Peço desculpas, não lembrei que um dos seus posts havia comentado sobre isso...rsrsr...Poderia então me indicar quais blogs com passo a passo? :)

      Excluir
    3. Digite, na barra do google, o que quer aprender, por exemplo: "como costurar um coração". Veja esse vídeo aqui:https://www.youtube.com/watch?v=jszuf5D_ujk
      Beijos

      Excluir

Se não conseguiu deixar um comentário, envie um e-mail:
helenacompagno@hotmail.com