Cursos Belo Horizonte: e-mail para helenacompagno@hotmail.com ou acesse na janelinha à direita

19 de junho de 2017

Veludo Azul

Vim aqui falar dos porta-guardanapos que fiz para ensinar às alunas, utilizando veludo azul. Atualmente o veludo está em alta. 
 Para dar mais glamour também usei manta em strass, mas deixei opcional, para usar à noite ou não

Poderia usar fita de veludo já pronta? Sim, mas ficaria bem mais caro. Não devemos desperdiçar nada, pois qualquer sobrinha de tecido faz-se um projeto novo.

Ao invés de usarmos argolas em junco, como se vê por aí, ensino a fazer em papelão. Poderia usar o rolo de papel film? Sim, mas não gosto porque acho muito estreito, meio pobrinho. Gosto de fazer maiores para usar em uma composição de 2 guardanapos, como aqui:

Ou servindo como porta-velas
"Ela usava Veludo Azul...
 Mais azul que o veludo era a noite...
  Mais macio que seda era a luz das estrelas...
Mais caloroso que maio, seus suspiros suaves...
 O amor era nosso...

O nosso amor eu segurei firmemente, sentindo a êxtase crescer

Como uma chama acesa queimando
  Mas quando ela se foi, foi-se o brilho

 Ela usava Veludo Azul
Mas em meu coração sempre existirá
Preciosa e calorosa uma memória de anos
E eu ainda consigo ver o veludo azul pelas minhas lágrimas"

Os versos citados acima são da música Blue Velvet (Veludo Azul), título que inspirou o filme Veludo Azul, 1986, ao qual assisti inúmeras vezes pela rica e belíssima linda trilha sonora. Vale a pena conferir para quem não conhece.

2 comentários:

  1. Helena, esse filme é lindo. Também assisti inumeras vezes. Os portaguardanapos estão um luxo.

    ResponderExcluir
  2. Que lindo esses porta guardanapos.
    Vou procurar o filme, parece bem interessante.
    Grande beijo e uma ótima semana

    ResponderExcluir

Se não conseguiu deixar um comentário, envie um e-mail:
helenacompagno@hotmail.com