E-mail de contato: helenacompagno@hotmail.com

7 de dezembro de 2011

Uma boa dica

Ando ocupadíssima com meus trabalhos, envolvida em algumas oficinas de costura, confeccionando presentes, embora (uma pena), nem para todas as pessoas que gostaria de presentear posso dar "coisa feita em casa" porque sei que essas pessoas não valorizam. É uma questão cultural achar que o que está na loja é melhor, mais bonito - nem sempre. Eu gosto de presentear com coisas feitas por mim, pois coloco ali carinho, afeto e durante a execução do presente a pessoa está comigo, no meu pensamento. 

Hoje venho aqui  passar uma dica para quem já domina a costura reta e pretende fazer alguma roupa, mas não tem molde e não sabe fazer (como eu),  mas quero deixar claro que não ganho para fazer propaganda,  ganho a enorme satisfação em ver que estou ajudando pessoas que gostam e pretendem se enveredar na arte da costura, mesmo que seja para costurar um simples barradinho em pano de prato. 

Recentemente comprei um pacote completo de molde pronto do Método Centesimal. Comecei a testar os moldes e, pelo menos até agora, não encontrei nenhuma dificuldade, pois todos os moldes vêm bem explicado, com uma vasta numeração. No pacote adquirido contém:
Macação Unissex/Bermuda/Saia-calça/Vestido justo e cavado/Vestido Tubinho/Calça Feminina/Blazer unissex/Maiôs para lycra/Camisa Social. 

Ontem fiz essa blusinha para a minha filha, aproveitando só a parte de cima do molde do "Macação Unissex tamanho 34" (a numeração vai do 26 ao 54 para esse modelo). Usei o 34, embora minha filha vista 40, pois fiz em malha. O decote é "v" e para o acabamento fiz um viés com a própria malha (agora estou craque no viés). Use sua criatividade para incluir golas ou extrair. A manga era curta, prolonguei. Também prolonguei mais uns 5 cm na barra. A cava da manga ficou perfeita, se encaixou super bem, sem sobrar nada. Adoro isso! Fiz na overlock, embora há pessoas que conseguem costurar malha na máquina comum. Veja AQUI  quem ensina.  Eu já tentei, desculpe, não consigo, preferi investir numa overlock (de segunda mão) e me "gabo" todo dia por isso - ótimo investimento!

Aqui a pimpolha usa com a saia, feita AQUI. Incluí esse lacinho para dar um charme na cor apagadinha. Detalhe importantíssimo: usei apenas 70 cm de malha fria, de ótima qualidade ao preço de R$ 9,57. Inclui punho - a outra filha não gosta. Costurar em casa é gostoso por  isso: poe isso, tira aquilo... Às vezes estraga tudo - que raiva, joga-se fora, começa tudo de novo, mas não desista!)
 Aqui fiz com manga curta (mesmo molde). Usei malha "Devoré" (meio metro R$ 10.06). Essa malha é ótima, poios dispensa acabamento. Viram como as barras ficam enroladinhas? Elas adoram esse efeito.

Esse vai para o meu guarda-roupa de férias (chic, né? costurar tem disso!). Usei o molde de um vestido que já tinha, super versátil. Como a malha não dava para todo o vestido, incrementei com sobras de outra malha na barra, cinto e gola. Vejam o detalhe do viés. Estou craque! Aprendi cortar viés AQUI, mas só depois de muito tentar. Persistência, minha cara.    
Comprei meio metro de paetê  - o must da estação - para fazer um short para a outra filha. Pretendo usar os moldes comprados. Depois eu falo se deu certo ou não. Embora paetê sempre esteve na moda festa, agora ele está com tudo, e em tudo - mas não vamos exagerar para não ficar muito "periguete" ou "perua" demais. Comprei um bem simples, sem muita lantejoula para não dificultar na hora da costura. Vou usar os retalhinhos para fazer aplicações nos jeans, em blusinhas, mas nada permanente, só com pontinhos à mão. Passou a modinha, arranca, joga-se fora. 

Beijos àquelas que deixam recadinhos tão simpáticos e quando vou lá retribuir, não consigo, o blog é exclusivo, às vezes é anônimo. Então, sintam-se retribuídas com meu carinho "secreto". Também leio todos os posts dos blogs que sigo, embora nem sempre deixo recadinhos, pois às vezes não há necessidade. Aliás, não faço nada por necessidade, só por prazer. E estar aqui é sempre um prazer saber que já tenho 194 seguidoras que prefiro considerar 194 pessoas interessadas na maravilhosa arte da costura.

23 comentários:

  1. Helena suas dicas são sempre ótimas, o seu guarda roupa de férias esta mesmo chique, as blusinhas para filha ficaram um charme, simples e de bom gosto.
    Agradeço sempre por suas visitinhas e seus pitacos são sempre muito bem vindos, eu estou aprendendo com vcs e tds as dicas são preciosas...a bolsa branca é mesmo pra ser sacola, a menina encomendou pra carregar no sítio, clube ou até na praia, ela não sabia muito a cor e o tecido então acabei escolhendo e o resultado foi aquele da postagem, nem sei se vai ficar adequado para os lugares que ela pretende usar, mas adorei a dica das alças eu não fazia nem ideia deste detalhe....obrigada.

    Beijos e tenha uma linda tarde...!

    ResponderExcluir
  2. Helena eu tento mas ainda não acertei costurar malha com maquina reta,prefiro a overloque.
    Quanto as blusas ficaram lindas e o vestido muito chique,gostei da faixa de outra cor na barra,ficou lindo.
    Ainda não tentei fazer o porta maquiagem por falta de tempo livre pois ainda estou estudando e ferias só no meio de Dezembro,mas vou tentar com certeza.
    Boa Sorte, Sucesso e Paz.

    ResponderExcluir
  3. Helena, ficou lindo. Aqui, temos a sorte de poder comprar, todos os meses, a Burda que traz sempre, mas sempre, modelos incríveis com moldes e a técnica de confeção muito bem explicada.
    Embora não me aventure (ainda) por essas dificuldades, todos os meses a compro, a devoro, leio e releio.
    Para já, são toalhinhas, almofadas, caminhos... mas um dia eu chego lá.
    Beijo

    ResponderExcluir
  4. Helena, eu venho sempre aqui copiar seus modelitos, embora nunca comento, mas hoje não posso deixar de deixar o meu agradecimento por tudo o que tem me proporcionado, pois estou costurando!!!!! e isso eu devo aos tantos PAPs que você, gentilmente, publica com o maior entusiasmo. Procuro me espelhar na pessoa que é, na boa esposa e mãe. Pelo menos é assim que te vejo. O mundo está carente dessas pessoas!
    Beijos e fique com Deus
    Elaine Siqueira - São Paulo

    ResponderExcluir
  5. Helena, olá! Não vim aqui por causa das costuras, rs Li seu comentário lá no blog da Elaine Gaspareto e me identifiquei, como você fico besta com blogs que copiam/colam, em geral imagens de blogs estrangeiros e até de revistas naionais, ou fazem colagem de poemas de autores conhecidos e conseguem 50 comentários. Sempre acho que é gente querendo marcar presença e só! Desse tipo de comentarista me abstenho!
    Tenho uma filha chamada Helena outra coisa que me chamou a atenção e eu já costurei muito, enjoei um pouco mas faço colchas de retalhos sempre que me da saudade da máquina, rs
    abs
    Jussara

    ResponderExcluir
  6. Helena, quero muito ver essa saia.

    Obrigada pelo carinho.
    Beijo

    ResponderExcluir
  7. Oi Helena, vim agradecer pelo seu comentário sobre a minha costura, não sei fazer muita coisa, mas o elogio vindo de você, que é uma costureira de mão cheia, fiquei muito feliz,obrigada!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Oi helena, ando sem tempo de postar e fazer minhas visitas, vi que ando perdendo muita coisa, rsrs
    Ameiii as blusinhas e o vestido então que delicia, ficaram lindos, uma pergunta, onde vc comprou os moldes que vc disse no post, é que procuro e não encontro esses moldes...Helena parabéns viu, td muito lindo!!
    bjss

    ResponderExcluir
  9. adorei seu blog, anod querendo colocar em pratica minhas habilidades com a costura e suas idéias vão me ajudar com certeza...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo:
      Então mãos à obra. Se precisar de ajuda, conte comigo, ok?
      Beijos

      Excluir
  10. Helena.....amei tudo....vc explica bem explicadinho com os mínimos detalhes...isso é mt bom para as marinheiras de primeira viagem.....rs...mas eu nao quero costurar....eu só queria os MOLDES para uma costureira fazer....pq quero REVENDER roupas de malha....e tamanhos PLUS.....será q esses MOLDES que vc se refere no método centesimal me ajudaria ?????? beijokas no seu coraçao LILOKA

    ResponderExcluir
  11. Olá Helena! estou acompanhando seu blog a 2 semanas e acho tudo muito interessante, quero aprender a costurar esse ano, sempre gostei e eu mesma arrumo as minhas roupas, mesmo sem máquina!!! pretendo fazer um curso e comprar uma máquina! tenho muita vontade de aprender a costurar para fazer um trabalho social com crianças carentes (camisetas, pijamas para presenteá-las)vou conseguir! obrigada pelas dicas!!! Neyde David

    ResponderExcluir
  12. adorei ... comecei a me interessar agora ! Vou começar a investir no corte e costura

    ResponderExcluir
  13. Helena, minha mãe quer saber se é possível fazer viés de malha com aqueles fazedores de viés.
    Obrigada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Paula, a malha não é tão fácil de dobrar como o tecido em algodão, pois o viés precisa marcar o vinco. Se a sua mãe tem esse aparelhinho, é só tentar fazer porque eu nunca fiz e não posso lhe dizer se dá certo.
      Beijos

      Excluir
  14. Adorei o post! Ja estava desanimada porque não consigo fazer viés nas minhas regatas de malha.
    Vou imediatamente tentar fazer.
    Obrigada! :D

    ResponderExcluir
  15. Oi eu sou homem, e amei seu blog nao tenho vergonha de falar isso apesar de macho pra kramba. E estou tentando me aventurar no mundo magico da costura, até comprei uma maquina domestica reta. Queria saber mais onde que se usa e quando se usa os VIÉS. E quais as roupas ou calcas que consigo fazer com a maquina reta apenas . Qual a diferenca principal da reta com overlock. Obrigado e parabens pelo blog que me deixou empolgado. bjs

    ResponderExcluir
  16. Oi Mestre, está certíssimo em não sentir vergonha de dizer que gostaria de se aventurar no mundo das costuras. Você tem atitude!!
    Máquinas domésticas (dessas portáteis que usamos em casa) geralmente não faz apenas costuras retas, fazem muito mais e isso vai depender do modelo. As mais complexas (dessas bacanudas) fazem maravilhas! Há máquinas industriais que só fazem costuras retas, não fazem acabamentos como as domésticas. A overlock existe doméstica e industrial. As domésticas são indicadas para umn volume menor de produção. As industriais, são mais velozes, maiores, aguenta costurar em alta escada, em produção. Se pretende se aventurar nas costuras, comece com uma máquina doméstica que faz ponto reto, zig-zag - indico a Janome 2008.
    O viés é usado - na maioria das vezes em costuras para a casa. Em roupas, dependendo do tipo de viés, em acabamentos, tipo gola quando quiser usar esse tipo de detalhe.
    Vá em frente.
    Beijos

    ResponderExcluir
  17. Oi, adorei suas dicas, principalmente a do vies, pois ficava imaginando como fazer. Estou aprendendo, gosto de criar e modificar algumas peças do guarda roupa, porem só com a máquina reta e as dicas que pesquiso na net. Se pudesse me ajudar, pois não sei que tecido pedir na loja para fazer uma saída de praia? Queria um tecido fininho e baratinho... hehe. Desde já parabenizo pelo seu trabalho, sou uma preciadora. meu e-mail é alinesoareskb@hotmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Aline, eu compraria uma viscose bem bonita e alegre, pois é levinha e fresca.
      Beijos

      Excluir
  18. nossa amei..... a blusa

    ResponderExcluir

Seu comentário será publicado se for gentil, se for útil. Comentários maldosos serão excluídos antes se serem publicados. Aqui é um espaço de gente feliz!